Já não basta ser craque. O futebol exige exemplos. 

O futebol está mudando drasticamente. E não estou falando de regras, esquemas táticos ou do desempenho atlético. Vivemos uma mudança de consciência. Se compararmos o caso do goleiro Bruno e o caso do ex-atleta e treinador Cuca com o julgamento de Daniel Alves